mynews

D. ANTÓNIO MARTO, BISPO DE LEIRA-FÁTIMA NOMEADO CARDEAL

O papa Francisco anunciou que vai nomear 14 novos cardeais a 29 de junho, entre os quais o bispo português de Leiria-Fátima,
D. António Marto.Vítor Coutinho, vice-reitor do santuário de Fátima e colaborador de António Marto, considerou que a decisão mostra “reconhecimento” pelo trabalho desenvolvido na diocese e no santuário e é uma “grande honra” para a diocese.

Com a nomeação, António Augusto dos Santos Marto, 71 anos, torna-se o quinto cardeal português nomeado no século XXI e o segundo no atual pontificado, segundo a Ecclesia.

Uma vez cardeal, António Marto juntar-se-á no Colégio Cardinalício, que reúne todos os cardeais da Igreja Católica e tem por missão assistir e aconselhar o papa, aos cardeais portugueses Saraiva Martins, Manuel Monteiro de Castro e Manuel Clemente.

“Alegra-me anunciar que a 29 de junho vou organizar um consistório para nomear 14 novos cardeais”, disse o papa aos peregrinos e turistas na Praça de São Pedro, depois do Angelus.

O grupo inclui ainda prelados do Peru, México, Bolívia, Madagáscar, Japão, Itália e Espanha.


2018-05-20

OURÉM_MUNICÍPIO RECEBEU PRESIDENTE DA REPÚBLICA DE MALTA E PRESIDENTE DA REPÚBLICA PORTUGUESA

O Município de Ourém recebeu, neste dia 16 de maio, a Presidente da República de Malta, Marie-Louise Coleiro Preca, e o
Presidente da República Portuguesa, Marcelo Rebelo de Sousa. A receção decorreu no antigo edifício dos Paços do
Concelho e surge na sequência da participação do Presidente da Câmara Municipal de Ourém no Fórum Turismo do
Mediterrâneo, realizado em Malta, onde Luís Miguel Albuquerque foi agraciado com o “Prémio Mediterrâneo de Turismo” pelas boas práticas de turismo executadas em Fátima.

A receção oficial foi dirigida pelo Presidente Luís Miguel Albuquerque e contou com a presença dos Vereadores Isabel Costa, Rui Vital, Cília Seixo e Estela Ribeiro, do Presidente da Assembleia Municipal, João Moura, vários deputados municipais e presidentes de junta de freguesia.

O Presidente da Assembleia Municipal foi o primeiro a usar da palavra e salientou as preocupações humanitárias e sociais que o Município de Ourém e Malta partilham, nomeadamente em relação ao fenómeno das migrações. Defendeu ainda a importância de “estreitar relações entre as instituições e os povos que representamos para contrariar um mundo cada vez mais individualista”.

Seguiu-se a intervenção do Presidente da Câmara Municipal de Ourém, Luís Miguel Albuquerque, que considerou um “privilégio” receber a Presidente da República de Malta e a sua comitiva (o Ministro da Economia de Malta também integrou esta visita a Ourém), após a forma “amistosa como fui recebido por ocasião da minha visita recente a Malta e tendo recebido, com grande honra, o Prémio Turismo do Mediterrâneo, como reconhecimento pelo trabalho desenvolvido ao nível do turismo religioso”. Luís Miguel Albuquerque manifestou também vontade em “contribuir para o incremento dos laços afetivos entre os nossos dois países”, e sublinhou a importância de Fátima, “uma das maiores referências espirituais do nosso tempo, que é, ao mesmo tempo, uma referência de Portugal no Mundo”. O Presidente da Câmara finalizou a sua intervenção com um convite para que a Presidente da República de Malta possa “desfrutar da paz” que Fátima, enquanto “lugar único e universal”, oferece a quem a visita.

Marie-Louise Coleiro Preca mostrou o seu agrado pelo modo como foi recebida e realçou a “importância de Fátima no Mundo
e para todos os cristãos”. Referiu ainda a importância de reforçar laços para favorecer o turismo e assim aprender com as
experiências de todos, objetivo base do Fórum Turismo do Mediterrâneo que “pretende reunir esforços e unir os diferentes
países para consolidar a nossa posição na Europa e no Mundo”. A Presidente da República de Malta terminou o seu discurso
com a tese de que “o turismo não é apenas uma atividade económica, mas uma forma de unir povos e Fátima é um local
fundamental para atingir este objetivo”.

Após as intervenções oficiais, seguiu-se a assinatura do Livro de Honra do Município de Ourém pela Presidente da República
de Malta e a entrega de lembranças. Esta receção oficial teve o acompanhamento do Presidente da República Portuguesa,
Marcelo Rebelo de Sousa, no almoço que se seguiu em Fátima.

2018-05-16

OURÉM_POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA COMEMORA 142º ANIVERSÁRIO EM OURÉM

O Comando Distrital de Polícia de Segurança Pública de Santarém vai comemorar o 142º aniversário com uma programação que decorre entre 15 e 17 de maio, com diferentes atividades distribuídas pelas Cidades de Santarém, Entroncamento e Ourém.

As comemorações têm início em Santarém pelas 10h00 do dia 15 de maio, com um “Concerto de Palmo e Meio”, seguindo-se
uma segunda sessão do “Concerto de Palmo e Meio” em Entroncamento (14h30). A finalizar o primeiro dia de comemorações, o Cineteatro Municipal de Ourém recebe às 21h00 o concerto da Banda Sinfónica da PSP.

Nos dias 16 e 17 de maio, a ação passa para o Centro de Negócios de Ourém onde estará disponível, entre as 10h00 e as 18h30, uma exposição temática da PSP. Esta exposição vai contemplar demonstrações do Grupo Cinotécnico (16 de maio

às 10h00 e 17 de maio às 15h00), apresentações da Equipa de Inativação de Engenhos Explosivos e Segurança no Subsolo, da Equipa de Modelo Integrado de Policiamento de Proximidade, de Investigação Criminal, do Núcleo de Imprensa e Relações Públicas, do programa “Estou aqui “, do Museu da PSP, da Unidade Especial de Polícias, entre outras.

No dia 17 de maio a programação encerra com as cerimónias oficiais que decorrerão no Auditório do Edifício-sede do Município de Ourém, a partir das 15h00, momento em que será feita uma homenagem em parada aos polícias do Comando já falecidos e a sessão solene com a atribuição de condecorações.


2018-05-14

LEIRIA_DEPUTADOS DO PSD EXIGEM OBRAS NO IC2

Os deputados do PSD eleitos por Leiria apelaram hoje à intervenção direta do primeiro-ministro para que sejam realizadas
com urgência obras no Itinerário Complementar n.º 2 (IC2), entre Pombal e Coimbra, para diminuir a sinistralidade.

Num documento endereçado a António Costa, cujo primeiro subscritor é Pedro Pimpão, os deputados apelam à"intervenção
direta do próprio primeiro-ministro para que seja realizada, com caráter de urgência,uma intervenção profunda no IC2, que contribua para diminuir a sinistralidade rodoviária verificada neste troço que liga o limite do distrito de Coimbra com o limite do distrito de Leiria, atravessando todo o concelho de Pombal".

"São mortes a mais para ficarmos de braços cruzados", escreve Pedro Pimpão, ao lembrar que na semana do dia 11 (data em que o documento foi enviado) se registou mais um acidente que provocou a morte a duas pessoas.

Pedro Pimpão refere que a população "merece mais atenção" e "não se pode continuar a adiar o investimento na requalificação deste troço do IC2 para garantir a segurança das pessoas".

No exposto, o deputado enumerou as várias ações que têm sido feitas para "alertar as entidades competentes".

"Realizou-se há cerca de três anos, com muita pressão da opinião pública e após vários acidentes trágicos, uma intervenção
junto à cidade de Leiria, mas muito ainda ficou por fazer no restante troço do IC2", salientou.

O deputado afirmou ser uma "boa notícia" o protocolo assinado entre o Município de Pombal e a Infraestruturas de Portugal
para a "realização de intervenção no troço que liga Pombal a Meirinhas".

No entanto, frisou que "continua a ser necessário alargar esta intervenção ao restante troço do IC2, que liga o limite do distrito de Leiria ao limite do distrito de Coimbra".

"Independentemente dos projetos em curso, torna-se premente avançar com
intervenções de caráter de urgência em alguns pontos negros já assinalados para evitar mais acidentes mortais, até que seja concretizada a requalificação mais profunda de todo o troço do IC2", apelou Pedro Pimpão.

O deputado questiona, por isso, "quando e em que moldes o Ministério do Planeamento e das Infraestruturas e a empresa pública Infraestruturas de Portugal vão assumir as suas responsabilidades e avançar com a urgente requalificação de todo o troço do IC2".

Pedro Pimpão questionou ainda "quais medidas de caráter de urgência serão imediatamente implementadas para diminuir a sinistralidade rodoviária do troço integral do IC2", no concelho de Pombal.

2018-05-14

LEIRIA_CAMPANHA NACIONAL DE RECOLHA DE ALIMENTOS

O Banco Alimentar Contra a Fome de Leiria-Fátima, vai realizar a sua 31ª Campanha Nacional, de Recolha de Alimentos,
coordenada pela Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares, a realizar nas
superfícies comerciais, nos dias 2 e 3 de Junho.

Esta Campanha irá decorrer nos conselhos de Leiria, Batalha, Porto de Mós, Marinha Grande, Ourém, Pombal, Meirinhas, Ansião, Avelar, Figueiró dos Vinhos e Pedrógão Grande, em mais de 80 supermercados. Os alimentos recolhidos serão distribuídos nas zonas de recolha.

Estes alimentos vão integrar um plano semestral, com distribuição mensal a mais de 60 IPSS, que acolhem, cuidam ou assistem pessoas comprovadamente carenciadas, nas mais diversas valências da solidariedade social, na região de Leiria,
refere numa nota de imprensa o Banco Alimentar Contra a Fome de Leiria-Fátima.

Nesta campanha vão estar envolvidos mais de 1.500 voluntários, nas lojas, armazém e transportes, coordenados por chefes de equipas, identificados com camisolas do Banco Alimentar. O transporte, dos locais de recolha para oarmazém em Parceiros, é assegurado por viaturas cedidas por
empresas e entidades,também identificadas.

2018-05-14

OURÉM_CÂMARA PROMOVE O PROJETO "OURÉM MAIS LIMPO 2018"

A Câmara Municipal de Ourém vai promover o projeto “Ourém Mais Limpo 2018” no próximo dia 2 de junho, no âmbito das
comemorações do Dia Mundial do Ambiente.

Este projeto vai ser dinamizado pelos serviços municipais em articulação com as juntas de freguesia e tem como principal
objetivo a remoção de todos os resíduos (lixo) existentes no concelho de Ourém, refere uma nota de imprensa do Município.

A campanha vai ser desenvolvida em todas as freguesias do concelho, estando já identificadas várias lixeiras e focos de lixo
onde os participantes irão atuar.

Para o Município de Ourém, o projeto tem uma natureza ambiental e de responsabilidade social pelo que os objetivos estão relacionados não só com a promoção da sustentabilidade ambiental, mas também com a dinamização do espírito de entreajuda além do cuidado com o território que nos rodeia.

Neste contexto, convida todos os munícipes e associações que possam disponibilizar parte do seu tempo, bem como empresas que tenham meios ou bens para que se possa alcançar uma taxa de sucesso elevada, a participar no projeto “Ourém Mais Limpo 2018”.
Na nesma nota, recomenda o uso de calçado e vestuário confortável, cabendo à Câmara Municipal de Ourém disponibilizar
sacos, luvas e água para todos os voluntários.

A iniciativa vai decorrer no período da manhã do dia 2 de junho e a ficha de inscrição encontra-se disponível em
www.ourem.pt.

2018-05-14

FÁTIMA_CONSOLATA MUSEU JUNTA-SE À NOITE EUROPEIA DOS MUSEUS

No sábado, dia 19, o museu irá juntar-se à “Noite Europeia dos Museus”,onde centenas de museus da Europa estarão abertos à noite com várias atividades.

O CONSOLATA MUSEU estará também aberto e pelas 21h35 decorrerá uma “Visita Guiada à Luz da Lanterna” com momentos musicais surpresa, realizando-se no final um concerto a cargo do CORO VIVA VOZ de Santa Catarina da Serra – Leiria.

A entrada é gratuita mas limitada a 30 pessoas. Reservas através do telefone 249 539 470

2018-05-14

FREIXIANDA_SECÇÃO DA FREIXIANDA DOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DE OURÉM COMEMORAM 33 ANOS

O 33º Aniversário da Secção da Freixianda dos Bombeiros Voluntários de Ourém vai ser comemorado com um Jantar Comemorativo para entidades e convidados, no dia 19 de Maio pelas 20 horas.

As comemorações prosseguem no dia seguinte com uma missa solena às 9.30 seguida de desfile do Corpo Activo da
Secção acompanhado do estandarte e da Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Ourém.

2018-05-14

CAXARIAS_ASSOCIAÇÃO HUMANITÁRIA DO BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS CELEBRAM 35 ANOS

Os Bombeiros de Caxarias comemoram no próximo dia 19 de maio o seu 35º aniversário com as comemorações a decorrer no quartel.

As comemorações têm inicio às 8.30 com o hastear da Bandeira no Quartel, a romagem aos Cemitérios de Casal dos Bernardos, Urqueira, Olival e Caxarias.
Às 11.15 será feita a receção às Entidades convidadas, seguida de desfile, da Sessão Solene com imposição de Condecorações e da bênção de viaturas

No dia 02 de junho irá realizar-se um baile com o Grupo Universo no salão dos Bombeiros e que servirá para angaria verbas

para a aquisição de um Veiculo de Socorro e Assistência Tático (VSAT) que será batizado e colocado ao serviço no dia do aniversário.

No dia 03 de junho de 2018 irá decorrer no quartel a já tradicional Festa da Criança onde irá estar a escola de Infantes e
Cadetes e o quartel irá estar aberto a todos quantos o quiserem visitar.
No mesmo dia haverá atividades para proporcionar o dia de quartel aberto onde toda a população pode ver os veículos e
equipamentos e assistir a workshops sobre temáticas relacionadas com o socorro e com os cuidados a ter perante uma situação adversa e que seja necessária a intervenção dos Bombeiros.

No ano em que os Bombeiros de Caxarias comemoram o seu 35º aniversário irão efetuar um Cortejo de Oferendas. As
verbas angariadas irão para a aquisição de um Veiculo de Combate a Incêndios
Urbanos.

O Cortejo realiza-se no dia 10 de junho com inicio às 15h00, durante a tarde haverá a atuação do Rancho Folclórico Verde Pinho do Carvalhal e do Rancho Folclórico Moleiros da Ribeira do Olival, seguida de animação musical com o grupo NS Music.

2018-05-14

FÁTIMA_GNR FAZ BALANÇO MUITO POSITIVO DA PEREGRINAÇÃO A FÁTIMA

A GNR fez hoje um balanço “muito positivo” da peregrinação internacional ao Santuário de Fátima, onde foi registada uma “enorme enchente”, disse à agência Lusa o comandante do Destacamento de Tomar.

“Houve uma adesão enorme de peregrinos nos dias 12 e 13, com a lotação
completamente esgotada em Fátima”,
afirmou o capitão Carlos Canatário.

Segundo este responsável da GNR, em resultado desta enchente “no dia de hoje registaram-se complicações de
congestionamento no tráfego rodoviário, mas apenas à saída de Fátima”, porque “as pessoas quiseram sair todas ao mesmo
tempo, pelas 13:00, após as celebrações religiosas”.

Além disso, “houve muita gente a procurar sair da cidade de Fátima pela autoestrada 1”, adiantou Carlos Canatário, assinalando ainda que, a complicar o trânsito, ocorreram avarias em dois autocarros, uma na avenida João XXIII, junto ao nó da autoestrada, e outra na avenida Beato Nuno.

“Registámos ainda pequenos acidentes, apenas com danos, que complicaram, também, a possibilidade de
descongestionarmos o trânsito”, referiu o comandante do Destacamento de Tomar da GNR, admitindo que o recital de ação de graças pelo Centenário das Aparições, com o tenor Andreia Bocelli, esta tarde, que juntou cerca de dez mil pessoas na Igreja da Santíssima Trindade, também “dificultou o fluxo de saída de trânsito”.

De acordo com Carlos Canatário, a GNR registou, até às 18:00 de hoje, “três acidentes com danos menores e sete pessoas perdidas, mas que já foram entregues aos grupos que integravam.

“Há ainda três furtos de veículos”, referiu, ressalvando que este dado carece de confirmação porque, eventualmente, os
automobilistas podem não se recordar onde estacionaram as viaturas.

Durante os dois dias da peregrinação, a GNR recebeu duas queixas por furto de carteira, havendo ainda cinco casos de
extravio de carteira, tendo havido a recuperação de documentos que foram extraviados.

“Foram também encontrados dois cães perdidos, mas, através do respetivo chip de identificação, foi possível contactar os
respetivos donos e fazer a entrega dos animais de companhia”, acrescentou o capitão.

A peregrinação internacional aniversária de maio ao Santuário de Fátima, no distrito de Santarém, foi presidida pelo cardeal John Tong, bispo emérito de Hong Kong.

As cerimónias começaram às 18:30 de sábado, na Capelinha, e três horas mais tarde foi recitado o terço, seguido da procissão das velas e missa.

As cerimónias religiosas, um ano após a visita do papa Francisco, a canonização de Francisco e Jacinta Marto e o Centenário das Aparições, terminaram hoje com missa, bênção dos doentes e "procissão do adeus".

Dados do santuário indicam que estiveram hoje no recinto de oração cerca de 300 mil peregrinos.

Pelas estradas em direção a Fátima caminharam cerca de 37 mil, de acordo com a instituição.

2018-05-14

ALVAIÁZERE_CÂMARA ANTECIPA PAGAMENTO DE EMPRÉSTIMO DO PLANO DE AJUSTAMENTO FINANCEIRO

A Câmara de Alvaiázere,Leiria, anunciou que pagou antecipadamente o empréstimo do Programa de ApoioEconomia Local poupando 100 mil euros em juros.

Numa nota de imprensa, a Câmara, liderada por Célia Marques, eleita pelo PSD, informa que “a melhoria da situação financeira da autarquia permitiu” tomar a decisão de antecipar o pagamento do empréstimo e, com isso, “a poupança de milhares de euros em juros”, além de “desobrigar o município dos constrangimentos inerentes ao plano de ajustamento financeiro a que estava sujeito”.

A mesma nota adianta que no início do mês a Câmara pagou “1.129.758,59 euros, antecipando o pagamento integral do
empréstimo que só terminaria em 2026”.

“Com esta opção de gestão, a Câmara Municipal obtém uma poupança de 100 mil euros em juros”, acrescenta.

Em 2012, a Câmara de Alvaiázere aderiu ao PAEL, o que possibilitou “aumentar a liquidez de tesouraria” e, desta forma,
“proceder a pagamentos que, à data, se encontravam em atraso a fornecedores”.

Como contrapartida, o município ficou obrigado ao cumprimento de um plano de ajustamento financeiro.

Em 2017, o Governo suspendeu a aplicação deste plano da Câmara Municipal de Alvaiázere face às boas contas do município.

A suspensão do plano de ajustamento e das suas obrigações foi decretada através de despacho conjunto dos secretários de
Estado das Autarquias Locais e do Tesouro, sendo que a decisão deveu-se "à gestão financeira rigorosa do executivo" e "ao
cumprimento do limite de dívida evidenciado no ano de 2016".

À agência Lusa, Célia Marques salientou que a antecipação do pagamento do PAEL é “uma excelente notícia”.“Avançámos com o pagamento do valor em falta do empréstimo, saldámos uma dívida que tínhamos referente a este empréstimo e ficámos resolvidos em relação ao PAEL”, declarou a autarca.

Segundo a presidente da Câmara, “com o plano suspenso, o município enfrentava a possibilidade de, numa situação pontual de menor desafogo, ter de ativar novamente todas as medidas inscritas no programa”.
“Agora, com este pagamento, é o fim do PAEL”, regozijou-se Célia Marques, convicta de que “a autarquia vai continuar com a boa gestão e equilíbrio das suas contas”.

2018-05-14

FÁTIMA_ESCULTOR DO CORAÇÃO GIGANTE INSTALADO EM FÁTIMA RECLAMA 500 MIL EUROS À CÂMARA

O escultor de um coração gigante que foi inaugurado em Fátima há um ano disse hoje à agência Lusa que a Câmara de Ourém lhe deve 500 mil euros, valor que a autarquia não reconhece.

À Lusa, o escultor Fernando Crespo explicou que, após ter a ideia para a criação de uma peça urbana para perpetuar o
Centenário das Aparições e a visita do papa Francisco, contactou o presidente da Câmara de Ourém, à data Paulo Fonseca.

Segundo Fernando Crespo, o ex-autarca garantiu que iria arranjar uma entidade para financiar a peça, porque era impossível
lançar o procedimento concursal, dada a proximidade de maio de 2017.

“Era uma empresa mecenas que me pagaria, mas o mecenas nunca cumpriu e quando começou a não cumprir eu informei o ex-presidente da câmara”, declarou o escultor, assumindo não ter feito nenhum contrato com o município sobre a peça, mas
lembrando que existe “abundante documentação que vinculam a autarquia neste projeto”.

Fernando Crespo acusou o atual presidente do município, o social-democrata Luís Albuquerque, de que, “tendo consciência de que não recebeu um centavo, tentar tirar partido da situação, escudando-se num parecer encomendado em que se propõe pagar um valor ridículo pela peça”.

“Nunca recebi nada, nem eu, nem quem fez os serviços complementares para a
instalação da peça”, declarou, referindo que
o objetivo era de que “a peça ficaria para a câmara” depois de lhe ser paga.

O escultor adiantou que chegou a sugerir ao atual presidente da câmara “de que poderia lançar um concurso para a concessão da exploração do coração gigante em termos de ‘merchandising’, dado o enorme potencial da escultura”, “para ultrapassar esta situação”.

“Não há um único gesto do atual presidente de querer resolver este problema”,
considerou Crespo, acrescentando ser
obrigado a encetar uma ação judicial, porque tem “entidades credoras, além de ter tido um prejuízo elevadíssimo”.

À Lusa, Luís Albuquerque referiu que, “efetivamente, o executivo anterior teria informado de que iria arranjar uma empresa
mecenas”.

“Os vereadores da coligação PSD/CDS-PP [oposição à data e de que fazia parte Luís Albuquerque] questionaram o presidente do município sobre o mecenas, porque constataram que esta empresa não tinha tido atividade nos últimos anos, pelo que estranharam a situação”, adiantou.

Luís Albuquerque explicou que a 27 de fevereiro de 2017 o escultor envia um ‘email’ à câmara indicando que o seu trabalho
seria apoiado por um mecenas, “portanto, sem investimento municipal”, mas Fernando Crespo contrapõe que lhe foi enviada uma minuta para remeter à câmara, minuta que é o conteúdo do email.

“Em 04 de abril seguinte envia novo ‘email’ a dizer que assumiria os custos da instalação da sapata que iria suportar a peça, dado os prazos estarem a ficar apertados”, continuou o autarca, notando que a autarquia tinha deliberado assumir este trabalho.

O escultor garantiu de novo que o conteúdo deste ‘email’ foi-lhe remetido pelo ex-presidente de câmara.

Três dias depois, de acordo com a ata da reunião de câmara de 07 de abril, os eleitos do PSD/CDS-PP advertem que “continua sem ser apresentado qualquer documento onde esteja plasmado o custo da peça, bem como a cedência ao município da sua propriedade”, notando que “a bem do rigor” o autor “deverá assumir por escrito o custo total da obra perante o município”.

Na reunião de câmara de 29 de setembro de 2017, véspera de eleições autárquicas, o então presidente manifesta o desejo de resolver o assunto que, contudo, é remetido para uma outra reunião, pois o único
vereador da oposição presente, do Move, informou que sairia se o assunto fosse votado, pelo que não haveria quórum.

Ainda assim, na ata está explanado que o escultor sugeriu ao município para que este fizesse “a aquisição formal da estrutura física por 60 mil euros mais IVA”.

“O anterior presidente, face à premência de efetuar pagamentos relativos à peça,sugeriu pagar este valor por conta de alguns materiais, sendo que os restantes ficariam para o novo mandato, situação de que o atual presidente tinha conhecimento”, garantiu Fernando Crespo, acusando o atual executivo de “grande falta de sensibilidade por parte do atual executivo sobre a arte pública e a sua importância”.

Admitindo que esta é “uma questão que não é de fácil resolução”, Luís Albuquerque adiantou hoje que o município pediu um
parecer que “dá origem à proposta que lhe foi apresentada de a câmara pagar um determinado valor pela escultura, mas
muito longe dos 500 mil euros”.

O coração gigante chamado Francisco, vermelho e com uma cruz de cada um dos lados, foi inaugurado em 10 de maio, numa homenagem ao líder da Igreja Católica. A escultura, de cerca de 12 metros de altura e 12 de largura, intitulada "Francisco, o maior coração do mundo", tem dois segmentos, que juntos representam um coração.

2018-05-14

OURÉM_VAI AVANÇAR COM A REQUALIFICAÇÃO DA ESTRADA DA LOUREIRA AINDA ESTE ANO

O presidente da Câmara de Ourém afirmou hoje que o município prevê iniciar este ano a intervenção na designada estrada da Loureira, via de entrada em Fátima a partir de Leiria, num investimento de 1,1 milhões de euros.

“Estamos a programar uma intervenção daquela via, que depois da autoestrada 1 é a principal entrada de peregrinos em Fátima, no valor de 1,1 milhões de euros, com fundos municipais”, afirmou à agência Lusa Luís Albuquerque.

Luís Albuquerque adiantou que o investimento contempla “passeios, iluminação, piso novo e alterações rodoviárias para assegurar a fluidez no trânsito”.

“O que temos previsto é que em junho o projeto será aprovado em reunião de Câmara e na Assembleia Municipal, para
depois lançarmos o procedimento. Pensamos que no final do ano a obra possa arrancar para ser feita, na sua grande parte,
até maio de 2019”, esclareceu o presidente deste município.

Luís Albuquerque (PSD) reconheceu que não se ter concretizado a obra em 2017, ano do Centenário das Aparições, da visita do papa Francisco e da canonização de Francisco e Jacinta Marto, foi “uma oportunidade perdida”, tanto mais que é por esta via que chega o maior número de peregrinos que se desloca a pé para Fátima.

Sobre a eventual requalificação urbana das entradas da cidade-santuário desde a Batalha, no distrito de Leiria, e da sede de
freguesia de Fátima, o autarca salientou que a estrada da Loureira é “o primeiro passo”.

“Quem nos visita e chega a Fátima a partir da Batalha ou de Leiria, aquelas entradas não nos deixam satisfeitos”, admitiu, para acrescentar que o município “não tem meios financeiros para fazer em termos imediatos o que Fátima precisa”.

A este propósito repete as palavras que tem dito, como as do executivo anterior, presidido pelo socialista Paulo Fonseca: “O
Estado central tem de olhar Fátima de uma forma diferente e dotar o município de Ourém de meios necessários para resolver
os problemas mais prementes da cidade-santuário”, acrescentou Luís Albuquerque.

2018-05-14

JOÃO MOURA ELEITO PRESIDENTE DA DISTRITAL DE SANTARÉM DO PSD

A distrital de Santarém do PSD passa a ser liderad, por João Moura, presidente da Assembleia Municipal de Ourém, que derrotou Nuno Serra, presidente nos dois últimos mandatos, por 927 votos contra 846.

Num universo de 2.885 militantes no distrito de Santarém com as quotas em dia, votaram um total de 1.804, maioritariamente (51,4%) em João Moura, disse à Lusa o mandatário da candidatura, Ramiro Matos.

Apoiante do atual presidente do PSD, Rui Rio, João Moura, que foi vice-presidente de Nuno Serra (apoiante de Santana Lopes) nos últimos quatro anos, disse à Lusa estar “grato” aos militantes do distrito que deram “um voto de confiança” a si e à sua equipa, com um resultado que correspondeu à perceção da existência de um “sentimento forte de vontade de mudança”.

João Moura afirmou sentir a
“responsabilidade de fazer diferente” e estar consciente de que tem “muito trabalho pela frente”.

Como primeira prioridade apontou “acabar com as listas” e construir uma distrital “sem excluir ninguém” para, de seguida, “abrir o PSD a toda a comunidade”, de forma a “conquistar a sociedade civil” para causas como a da coesão territorial, acabando com as divisões que se sentem no distrito e com o “andamento a duas velocidades”.

O novo presidente da distrital social-democrata apontou a necessidade de concertação em setores como a saúde e a educação e de aproveitar a proximidade a Lisboa, captando turismo para a região.

João Moura afirmou que vai bater-se para que a base aérea de Tancos possa ser convertida para a aviação civil, posicionando-se para servir a zona centro do país, adiantando que foram já “encomendados estudos” para saber da viabilidade desta opção.

A nova distrital tem como vice-presidentes Vânia Neto (Santarém) e Tiago Carrão (Tomar), tendo Isaura Morais, presidente da Câmara Municipal de Rio Maior, sido eleita para presidir à Mesa da Assembleia Distrital.

Na candidatura “Genuinamente Social Democratas, com Garra e Paixão”, João Moura contou com os apoios dos presidentes das Câmaras de Santarém, Ricardo Gonçalves, e de Ourém, Luís Albuquerque.

2018-05-06

PORTO DE MÓS_MULHER ENCONTRADA MORTA EM CASA COM LESÕES DE ARMA BRANCA

Uma mulher de 51 anos foi esta tarde encontrada morta em casa com lesões de agressão com arma branca, disse à Lusa fonte da GNR de Leiria.

Segundo a mesma fonte, a mulher foi encontrada morta na sua residência no Juncal, na freguesia de Porto de Mós, no distrito de Leiria, e o caso foi entregue à Polícia Judiciária (PJ) de Leiria.

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Leiria informou que o alerta foi dado pelas 17:47 para uma agressão com arma branca.

Às 20:35 estavam ainda no local seis viaturas e 12 operacionais dos Bombeiros Voluntários de Porto de Mós, INEM, GNR e PJ.

2018-04-20

FÁTIMA_CHÁ COM ARTE

O jornalista Carlos Ferreira e a artesã Luísa Sousa são os convidados do próximo “Chá com Arte”, no Consolata Museu - Arte Sacra e Etnologia, em Fátima, no dia 21.

A iniciativa começa às 16:00 e tem entrada livre.

Luísa Sousa é autora do livro “Um Caminho para Todos - Diário de uma Peregrina no Caminho de Santiago”, publicado em 2016, que resulta da experiência que viveu dois anos antes quando percorreu em 42 dias a distância de mil quilómetros entre Sevilha e Santiago de Compostela, pela Via da Prata e Caminho Sanabrês.

Por sua vez, Carlos Ferreira é o autor do livro-reportagem “Alguma Dor Cura a Alma”, publicado em 2012, meses depois de em maio ter caminhado em 13 dias a distância de 481 quilómetros entre o Santuário de Fátima e Santiago de Compostela, pelo Caminho Central Português.

2018-04-19

OURÉM_25 DE ABRIL NO MUNICÍPIO DE OURÉM

O Município de Ourém vai assinalar os 44 anos do 25 de Abril com uma programação diversificada que contempla poesia, música, dança, desporto e literatura, além das cerimónias e intervenções oficiais próprias da efeméride. A revolução dos cravos será celebrada na noite de 24 de abril e durante todo o dia 25, com a sessão da Assembleia Municipal de Ourém a finalizar as
comemorações.

A partir das 21h00 do dia 24 de abril, a Praça D. Maria II (em frente ao Edifício-sede do Município de Ourém) recebe um sarau de poesia e música intitulado “Canto a Liberdade” e que contará com a participação do Grupo Gente Nova e de vários alunos das escolas e colégios do concelho. Seguir-se-á o espetáculo “Dançar a Liberdade” pela Associação de Dança Cines e Poetas e a atuação da Tuna do Instituto Politécnico de Leiria. As intervenções oficiais terão lugar às 24h00 e finalizam a programação deste dia.

O “Dia da Liberdade” vai contar com as tradicionais cerimónias oficiais a partir das 10h00 em frente à Câmara Municipal de Ourém, com a participação da fanfarra da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Ourém e da Associação Filarmónica 1.º Dezembro Cultural e Artística Vilarense Reis Prazeres. O resto da manhã será dedicada ao desporto com a realização de uma aula de zumba, seguida da 3ª Caminhada Solidária “Piratas à Descoberta, é Diversão na Certa” e da Caminhada da Liberdade. A Caminhada Solidária “Piratas à Descoberta, é Diversão na Certa” dirige-se a crianças dos 3 aos 10 anos e tem organização da Pais Galinha - Associação de Pais e Encarregados de Educação do Centro Escolar de Santa Teresa/Agrupamento de Escolas Conde de Ourém. A participação implica a entrega de um bem alimentar ou de material escolar e as inscrições devem ser realizadas para apecetourem@gmail.com ou para 914 915 244. Os adultos podem participar na Caminhada da Liberdade com um percurso de 6,5 km de dificuldade média. A organização da iniciativa está a cargo da Câmara Municipal de Ourém com a colaboração do Montamora Sport Club. As inscrições na Caminhada da Liberdade devem ser realizadas para associativismo@mail.cm-ourem.pt ou 249 540 900.

Após uma manhã dedicada ao desporto, a tarde do dia 25 de abril vai privilegiar as artes com a apresentação do livro “Musicações de um Andarilho” de Roberto Chichorro, pelas 15h00, momento a que se seguirá uma visita às obras do pintor expostas no antigo Edifício dos Paços do Concelho.

A partir das 17h00 terá lugar a abertura solene da sessão da Assembleia Municipal de Ourém que encerra as comemorações da revolução dos cravos.

2018-04-19

ALVAIÁZERE_MUNICÍPIO CELEBRA ABRIL

Na comemoração dos 44 anos da revolução que pôs fim à ditadura em Portugal, o Município de Alvaiázere vai promover duas iniciativas de âmbito cultural, para assinalar esta efeméride.

O Museu Municipal de Alvaiázere e o colecionador Élio Marques juntaram-se para apresentar esta exposição: “Entre Abril e Maio, palavras, músicas e canções” que conta com cerca de 300 discos de vinil de 33 e 45 rotações editados no período pré e pós 25 de Abril de 1974.

Esta exposição, que estará patente ao público a partir do dia 25 de abril, abarca várias áreas temáticas desde, discursos políticos, música de intervenção, hinos políticos, hinos sindicais, teatro, fado, folclore, poesia, tendo como fio condutor a Revolução dos Cravos, refere a autarquia.

Também no mesmo dia, pelas 17:00, no auditório da Casa Municipal da Cultura de Alvaiázere, vai decorrer o espetáculo “Cantar Abril”, integrado na programação da “Região de Leiria - Rede Cultural”, operação financiada pelo Programa Operacional Regional do Centro, numa organização do Município e da Comunidade Intermunicipal da Região de Leiria.

O concerto será protagonizado pelo cantor Sebastião Antunes e pelo Coral Alva Canto, que se farão acompanhar em palco por vários convidados, e que trarão à memória os temas que marcaram os valores da Revolução.

2018-04-19

FÁTIMA_BISPO EMÉRITO DE HONG KONG PRESIDE A PEREGRINAÇÃO DE MAIO A FÁTIMA

O cardeal John Tong, bispo emérito de Hong Kong, vai presidir a primeira Peregrinação Internacional Aniversária do ano pastoral, a 12 e 13 de maio, anunciou hoje o Santuário de Fátima.

O convite ao cardeal John Tong foi feito pelo bispo de Leiria-Fátima, António Marto, e prontamente aceite.

Segundo António Marto, “este convite, tal como o que foi feito para outubro de 2018 ao bispo de Hiroshima, D. Alexis Mitsuru Shirahama, materializa a atenção que o Santuário de Fátima tem prestado à Ásia, cujo número de peregrinos tem aumentado anualmente”.

“Tínhamos de trazer um bispo asiático a Fátima", porque “a Ásia é o eixo para onde o mundo cristão caminha”, justificou.

Nascido em 1939, John Tong foi ordenado sacerdote a 06 de janeiro de 1966 e recebeu a consagração episcopal a 09 de dezembro de 1996, refere o Santuário de Fátima.

“Em 2009, substituiu o cardeal Joseph Zen Ze-kiun como novo bispo de Hong Kong” e no Primeiro Consistório Ordinário Público de 2012, realizado em 18 de fevereiro, recebeu o barrete cardinalício e o título de "Regina Apostolorum", acrescenta.

O Santuário de Fátima sublinha que, um ano após o Centenário das Aparições, “cuja celebração teve como apogeu a peregrinação do papa Francisco à Cova da Iria, em maio, com a canonização dos santos Francisco e Jacinta Marto”, se prepara agora “para dar continuidade ao trabalho desenvolvido ao longo de sete anos e que culminou em 2017, com a celebração do Ano Jubilar”.

Do programa da peregrinação consta, no dia 12, uma conferência de imprensa com as presenças do presidente da peregrinação, cardeal John Tong, do bispo da diocese de Leiria-Fátima, António Marto, e do reitor do santuário, Carlos Cabecinhas.

No dia 12, as celebrações integram a abertura na capelinha das Aparições (às 18:30), o rosário (às 21:30), seguido da procissão das velas e da missa da vigília, no recinto do santuário.

No dia seguinte, o rosário acontecerá às 09:00, seguido da missa internacional no recinto, às 10:00, e da procissão do adeus.

Às 16:00, realiza-se um recital de ação de graças pelo Centenário das Aparições com Andrea Bocelli, que será acompanhado pela pianista francesa Elisabeth Sombart e pela violinista ucraniana Anastasyia Petryshak, sob a direção musical de Carlo Bernini.

“Entre o repertório, composto por 11 temas, está o Ave de Fátima, que será interpretado por uma convidada de Andrea Bocelli, Ana Moura, naquele que será um dos momentos mais altos deste recital, especialmente voltado para a interpretação de música sacra”, adianta o santuário.

2018-04-19

ALVAIÁZERE_CÂMARA APROVA CONTAS COM SALDO POSITIVO DE 3 ME

A Câmara de Alvaiázere, aprovou as contas de 2017 com um saldo positivo de três milhões de euros.

Segundo uma nota de imprensa, as contas foram aprovadas na quarta-feira, em reunião do executivo liderado por Célia Marques, eleita pelo PSD, e teve os votos contra dos vereadores do PS.

“O Município apresentou uma execução orçamental superior a 99%, a maior de sempre, comprovando o bom planeamento do exercício anterior”, refere a nota, salientando o facto de a Câmara “encerrar o ano com um saldo de gerência de 2.980.940,56 euros, montante a ser incorporado no orçamento de 2018”.

De acordo com a mesma nota de imprensa, “esta verba vai ser alocada ao pagamento do empréstimo contraído aquando da adesão do Município de Alvaiázere ao Plano de Apoio à Economia Local, bem como na concretização das prioridades estratégicas da Câmara, através da execução de obras e projetos previstos”.

Citada nesta nota, Célia Marques refere que “este documento é um sinal inequívoco de confiança para os cidadãos, porque manifesta de forma muito clara e objetiva que o executivo tem capacidade para levar a cabo os projetos que tem planeados para promover o desenvolvimento económico e social do concelho”.

À agência Lusa, Célia Marques explicou que a verba de três milhões de euros destina-se, entre outros investimentos, à obra de requalificação e reestruturação da zona industrial de Troia, que está devoluta, e que conta, também, com financiamento comunitário.

A presidente da autarquia apontou, ainda, “as obras de requalificação e regeneração urbana na sede do concelho, que vão permitir uma reestruturação ao nível do espaço público de fruição”.

“Estes dois investimentos tiveram um reforço no Orçamento para 2018, sendo que o grande bolo dos três milhões de euros do saldo positivo alcançado o ano passado será destinado a estas duas obras”, declarou Célia Marques.


2018-04-19